Green Skills: como utilizá-las no turismo?

Green Skills: como utilizá-las no turismo?

Habilidades sustentáveis ou green skills são aquelas necessárias para trabalhar com o que se relaciona à economia verde. Não apenas com o que se conecta ao conhecimento técnico, mas com pensamento, ideias, comunicação e resolução de problemas, tendo por objetivo a proteção ambiental e o desenvolvimento sustentável.

De acordo com matéria da Exame e com os dados da Global Green Skills Report 2022, a oferta de vagas para candidatos com habilidades verdes é maior do que o número de candidatos que estão preparados para ocupá-las.

Diante dessa informação, é possível entender que o mercado vai cada vez mais precisar destes profissionais e a sua contratação está acelerando mais do que a dos outros. Fato esse que foi acelerado pela pandemia.

As mudanças climáticas e as tragédias naturais que têm acontecido no Brasil e no mundo demonstram a urgência de políticas públicas que utilizem as green skills e de profissionais que tenham habilidades sustentáveis para ajudar nas diferentes áreas.

Muitas pessoas e empresas têm percebido a urgência da mudança de comportamentos e já pensam em como elas poderiam colaborar para, por exemplo, reduzir a emissão de gases estufa para minimizar um pouco as mudanças climáticas.

É importante que cada um faça a sua parte tanto na sua vida pessoal quanto na sua área de atuação profissional. Profissionais como analistas de políticas ambientais e consultores de sustentabilidade são imprescindíveis para atuar diretamente na proteção ambiental, entretanto há outros profissionais que podem mudar as suas práticas para ficarem mais sustentáveis.

 Clique aqui e acesse o nosso blog

Como exemplos das áreas nas quais podem ser utilizadas as green skills tem-se:

– Tecnologia: criação de tecnologias limpas com menor impacto ambiental.

– Indústria: desenvolvimento de produtos sustentáveis e ecologicamente corretos e mais sustentáveis, por exemplo usando produtos recicláveis na sua fabricação.

– Gerenciamento de resíduos eletrônicos: desenvolvimento ou gerenciamento de processos que reduzam os resíduos eletrônicos gerados.

 – Alimentação e agricultura: manejo do solo, produção de alimentos orgânicos, gestão de resíduos e a utilização de práticas sustentáveis como um todo.

– Negócios e Finanças – empresas que usam práticas sustentáveis e que causam menos impacto ambiental vão ser cada vez mais atraentes para os consumidores e investidores.

– Construção e Arquitetura: uso de construção sustentável com materiais ecológicos que utiliza energia alternativa e sistemas de energia renovável.

– Educação: o ensino nas escolas e instituições das práticas relevantes de sustentabilidade para que profissionais de diferentes áreas possuam os conceitos das green skills e tenham consciência e responsabilidade quando forem atuar nas suas profissões.

– Arquitetura: construções sustentáveis com materiais ecológicos que utilizem energia alternativa e implementação de sistemas de energia renovável.

 Clique aqui e saiba mais sobre tendências tecnológicas para 2023

Anteriormente foram citadas algumas áreas em que as green skills podem fazer diferença quando utilizadas, mas será que no turismo elas também são importantes?

Sim, com certeza. Principalmente porque esse setor é muito dependente dos recursos naturais. Práticas sustentáveis podem ser utilizadas para diminuir o impacto ambiental e preservar os recursos naturais, gerando benefícios sociais e econômicos para as comunidades locais.

Alguns exemplos da utilização das green skills no turismo:

1-   Educação e conscientização – tudo começa pela educação da população local e dos turistas sobre a importância da sustentabilidade e de como agir de forma responsável durante as viagens.

2-   Gestão sustentável de recursos – Gestão sustentável de recursos naturais (água e energia), por meio do uso de tecnologias mais eficientes que permitam a práticas de conservação.

3-   Melhoria da imagem corporativa – as empresas podem melhorar a sua imagem corporativa ao demonstrarem que se preocupam com o meio ambiente e com a comunidade.

4-   Promoção de turismo comunitário: envolve-se a comunidade local no planejamento das atividades turísticas, trazendo benefícios sociais e econômicos para a região.

5-   Redução da emissão de carbono: utilização das green skills para reduzir a emissão de carbono, por exemplo utilizando energia renovável e transportes mais eficientes.

6-   Certificação de sustentabilidade: utilizando-se as green skills é possível obter certificações de Turismo Sustentável para hotéis e outros destinos turísticos.

De maneira geral, o turismo sustentável pode ser uma maneira positiva de utilizar os recursos naturais, reduzir o impacto ambiental e gerar benefícios sociais e econômicos, sempre pensando na preservação para as próximas gerações. Além de tornar pessoas e empresas mais conscientes e responsáveis em relação ao meio ambiente e ao contexto em que cada uma está inserida.

CLIQUE AQUI E FALE CONOSCO

Fechar Menu